Pular para o conteúdo

Festas de fim de ano: cuidados com a alimentação

| Notícias locais

O fim de ano é uma das épocas mais festivas, que envolve confraternizações entre amigos e familiares. Por isso, é comum sair da rotina e cometer excessos na alimentação. Entretanto, com algumas medidas básicas é possível aproveitar a maratona de festas sem deixar de cuidar da saúde.

Nesse período, os principais cuidados que o paciente renal deve ter em relação à alimentação é com a ingestão de alimentos ricos em sódio. Nas comemorações é comum o consumo de bacalhau, azeitonas, embutidos e aves com excesso de temperos industrializados. Com isso, sugere-se que o preparo destes produtos comece com a retirada do excesso de sal e dos condimentos industrializados. Para estes últimos é recomendado o uso de ingredientes naturais, tais como: alho, cebola, cheiro verde, entre outros.

Deve-se priorizar o consumo de alimentos in natura como as frutas frescas e saladas, evitando as frutas cristalizadas e os doces em compota por conta da maior concentração de potássio. Vale lembrar que a carambola é uma fruta terminantemente proibida para pacientes renais, pois nela há presença de uma toxina que não consegue ser filtrada pelos rins e que se acumula no sangue.

As carnes de aves e peixes, por sua vez, são ótimas fontes de proteína para pacientes que fazem diálise, mas devem ser consumidas com moderação por pacientes renais que não estejam em fase dialítica, uma vez que nesse período existe restrição na quantidade de proteína que deve ser ingerida.

Comuns na ceia de Natal, as castanhas e nozes são ótimas fontes de gorduras boas, que auxiliam no tratamento de doenças cardiovasculares. Entretanto, devem ser consumidas com cautela por pacientes renais devido ao seu teor elevado de potássio e fósforo.

Sugestão de cardápio para a ceia de Natal:

A ceia de quem possui doença renal pode e deve ser igual à do restante da família. O recomendado é fazer refeições leves e evitar excessos. Abaixo, um exemplo de cardápio:

  • Entrada: Salada natalina;
  • Prato Principal: Lombo ao molho de laranja;
  • Acompanhamento: Farofa de ovos;
  • Sobremesa: Pavê de maçã;
  • Bebida: Soda de limão caseira.

Consumo de bebidas alcoólicas:

É sabido que pacientes renais devem evitar ao máximo o consumo de bebidas alcoólicas, embora não haja uma recomendação em relação à quantidade máxima que pode ser ingerida. Nesse caso, a orientação é que consultem seu médico assistente e nutricionista para obter orientações individualizadas.

Raquel Silva é Coordenadora Nacional de Nutrição na Fresenius Medical Care.