Pular para o conteúdo

Doença renal

Kidney diagram

Você tem dois rins. Eles têm o formato de um feijão, e cada um tem mais ou menos o tamanho do seu punho. Eles estão localizados em cada lado da espinha dorsal, perto do centro da sua coluna. A maioria das pessoas pensa que seus rins são responsáveis apenas por produzir urina. Na verdade, os rins trabalham mais do que você imagina.

As funções dos rins
As funções dos rins

De fato, os rins acumulam urina e a eliminam através do sistema urinário. O excesso de água e as toxinas dos processos metabólicos são eliminados do corpo juntamente com a urina, como um filtro. Além disso, o equilíbrio ácido-base é regulado pelos rins para prevenir o excesso de acidez no sangue.

Os rins também têm uma função importante na regulação da pressão arterial através da excreção de sal e água do organismo. Além disso, produzem hormônios, como a eritropoietina, que controla a produção das células sanguíneas na medula óssea. Também influenciam a quantidade de cálcio no sangue e a produção de vitamina D. Esta vitamina é necessária para a mineralização, que ajuda na estabilidade dos ossos.

Você sabia?

  • Os rins removem o excesso de água e os resíduos do corpo durante 24 horas por dia
  • Rins saudáveis limpam o sangue cerca de 300 vezes por dia
  • Em média, 1.500 litros de sangue passam pelos rins diariamente

Quais são as causas da doença renal crônica?

A doença renal crônica (DRC) é um processo longo, normalmente lento, em que o rim gradualmente perde sua função. No começo, você pode não notar que está sofrendo da doença renal crônica. Os sintomas iniciais podem ser sutis, por isso você pode não perceber.

O diagnóstico de doença renal normalmente é feito por meio de exames de sangue que medem a ureia do sangue, a creatinina e a taxa de filtração glomerular (TFG). O exame de sangue estima quanto sangue passa pelos glomérulos por minuto. 

A doença renal crônica pode ser classificada em 5 estágios. A doença pode levar anos para evoluir de abaixo da função normal do rim (estágio 1) para doença renal crônica (estágio 5). A forma crônica é uma lesão renal permanente, causada, por exemplo, pela diabetes, pressão alta (hipertensão), diversas infecções do tecido renal (glomerulonefrite) e o uso excessivo de alguns medicamentos, que podem reduzir a função renal a longo prazo.

É possível reduzir a progressão da doença nos estágios iniciais, por isso é vital obter um diagnóstico precoce e trabalhar atentamente com seu médico para encontrar o tratamento adequado.

Sinais e sintomas da doença renal crônica

Os sinais de alerta e os sintomas da doença renal crônica nem sempre são óbvios. Muitos pacientes podem sofrer da doença renal crônica sem saber.

Quais são os possíveis sinais de alerta?

  • Menor produção de urina
  • Inchaço nas mãos, rosto e pernas
  • Falta de ar
  • Dificuldade para dormir
  • Perda de apetite, náusea e vômito
  • Pressão alta
  • Sensação de frio e cansaço
     

Quanto mais cedo notar os sinais, melhor o médico poderá intervir e indicar o tratamento mais adequado. A ajuda certa no momento oportuno pode evitar o avanço da doença renal.

Médico aconselhando paciente idosa

Quais mudanças no estilo de vida podem ajudar?

Além de diversos métodos de tratamento, uma mudança no estilo de vida pode reduzir a progressão da doença renal crônica.

  • Controlar a pressão sanguínea e a glicemia
  • Ter uma dieta saudável (dieta reduzida em proteína e sal)
  • Perder peso
  • Realizar pelo menos 3 sessões de 30 minutos de exercícios aeróbicos semanalmente
  • Parar de fumar
  • Evitar certos analgésicos
     

O importante é sempre seguir as recomendações do seu médico antes de iniciar quaisquer grandes mudanças no seu estilo de vida.

Conheça a nossa rede de clínicas no Brasil

Conteúdo relacionado
Aproveite a vida apesar da doença

Aproveite a vida apesar da doença.

Opções de tratamento

Fazendo a escolha certa